• Diamantino, 26/04/2018
  • Dólar: R$
  • Euro: R$
  • Fonte Yahoo Exchange
BANCO DE MINISTRO

Banco do ministro Blairo Maggi começará a operar nos próximos dias em Cuiabá 555


Fotografia: Reprodução

Com autorização do Banco Central do Brasil (Bacen) a Amaggi S.A. Crédito, Financiamento e Investimento, começará a funcionar em Cuiabá nos próximos dias. A instituição financeira pertence ao ex-governador e ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Blairo Maggi (PP), sendo a primeira mato-grossense no segmento. A autorização para o começo das atividades foi publicada na edição do Diário Oficial da União do dia 10 de agosto.

Sob a presidência de Hugo de Carvalho Ribeiro, a AMAGGI Serviços Financeiros oferecerá operações de capital de giro e de antecipação de recursos por meio de Desconto de Recebíveis aos fornecedores que trabalham junto à AMAGGI, bem como concessão de crédito consignado aos colaboradores da companhia (em fase experimental, somente na Matriz).

Embora possua estrutura organizacional independente, a AMAGGI Serviços Financeiros já nasce pautada pelos mesmos valores que guiaram o desenvolvimento da AMAGGI ao longo de seus 40 anos, como a sustentabilidade e o respeito às pessoas, bem como a missão de contribuir com o desenvolvimento econômico das comunidades onde atua.

“O anúncio que estamos fazendo é de um projeto que foi gestado ao longo dos últimos quatro anos. Desde o princípio nosso intuito tem sido de fortalecer a rede de clientes, fornecedores, parceiros e colaboradores com quem já trabalhamos por meio da AMAGGI, disponibilizando opções sob medida para captação e aplicação de recursos, mas também oferecendo esses produtos financeiros para o mercado como um todo”, comenta o diretor-presidente da AMAGGI Serviços Financeiros, Hugo de Carvalho Ribeiro.

O escritório de negócios do empreendimento está instalado no 5º andar do prédio da matriz da empresa na Capital. De acordo com a empresa, independentemente da localização da estrutura física, a nova empresa possui estrutura totalmente independente, com diretrizes específicas e corpo próprio de diretoria e colaboradores.

Veja também

SAIBA QUEM 31 ex-aliados decidem assinar manifesto contra reeleição de Taques
DELAÇÃO NA CARAMURU Empresário deverá devolver R$ 1 milhão para se livrar de ação
APÓS DECISÃO DO STF Juiz Sérgio Moro determina a prisão do ex-presidente Lula
STF Retoma nesta quarta-feira julgamento do habeas corpus de Lula
UHE Prefeito e vereadores de Juara abraçam a causa da UHE Castanheira e viram as costas para atingidos
ALTO PARAGUAI Vereador é ameaçado de morte em Sessão da Câmara
Publicidade

Copyright © 2013 - 2018 Jornal O Divisor - Todos os direitos reservados