Sábado, 13 de julho de 2024
informe o texto

Notícias Cidades

POCONÉ

Morador registra imagens da seca no rio Bento Gomes e culpa garimpeiros

Morador da região do município de Poconé registrou imagens do Rio Bento Gomes, um dos mais importantes da região, praticamente seco. A situação preocupa moradores que dependem das águas do rio para consumo diário.

O município de Poconé possui pouco mais de 31 mil habitantes, de acordo com o IBGE, e é a porta de entrada para o Pantanal mato-grossense. O Rio Bento Gomes contribui diretamente para a formação da área úmida pantaneira, abastece a maior parte da área urbana do município e é palco de atividades turísticas que movimentam a economia local.

No vídeo, o morador responsabiliza os garimpeiros da região pela falta de água no rio e cita que, em 17 anos, nunca presenciou tamanha seca. “Há dezessete anos que moro nesta região e nunca vi, na minha vida, o Rio Bento Gomes nessa situação”, menciona.

 

Segundo a secretária de Meio Ambiente de Poconé, Daniele Assis, a especulação de que a seca no Bento Gomes seja motivada pela ação de garimpeiros é antiga e foi investigada em 2021, após uma denúncia.A prefeitura e o CIOPAer fizeram sobrevoo na área, além de uma averiguação in loco, e não identificaram nenhum desvio do curso do rio na época. Ela diz que a seca já é esperada no período de estiagem severa e foi agravada este ano pelo fenômeno El Ninõ.

A secretária ainda declara que para que o rio volte a ter águas correntes é preciso muita chuva, pois, segundo ela, as recentes chuvas ainda não foram suficientes para mudar o quadro de seca, mas que a prefeitura conta com poços para reforçar o abastecimento da região até que o rio volte ao normal.

 
 
Sitevip Internet