Quinta-feira, 22 de fevereiro de 2024
informe o texto

Notícias Cidades

R$ 90 MILHÕES

Pontes sobre o Rio Teles Pires vão melhorar logística de toda região Norte de MT

Pontes sobre o Rio Teles Pires vão melhorar logística de toda região Norte de MT

Foto: Tchélo Figueiredo - Secom-MT

A Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra-MT) está construindo duas novas pontes sobre o Rio Teles Pires, na região norte de Mato Grosso. Sendo uma com 550 metros de extensão e outra com 693, as duas obras recebem um investimento de R$ 90,8 milhões e serão entregues em 2024.

A ponte sobre o Rio Teles Pires, na MT-325, em Alta Floresta, já está com aproximadamente 90% da sua estrutura executada. A obra teve início em março de 2021 e deve ficar pronta no primeiro semestre de 2024. O investimento é de R$ 42,5 milhões.

 

A ponte liga Alta Floresta até a divisa com o Pará, na região chamada de Porto de Areia, que concentra grande parte da produção agrícola do município. A região também tem uma série de opções de lazer, com pousadas e restaurantes, atraindo o turismo de pesca. No local atualmente opera uma balsa. 

A Sinfra-MT também está licitando o asfalto de 39,96 quilômetros da rodovia a partir de Alta Floresta em direção ao Pará. A obra está orçada em R$ 79,4 milhões e o processo licitatório será concluído nas próximas semanas.

Já a segunda ponte fica localizada na MT-419, entre os municípios de Carlinda e Novo Mundo. Com 693 metros, ela recebe um investimento de R$ 48,3 milhões e está com mais de 55% de execução. A previsão é que ela seja entregue em 2024.

Esta ponte também irá substituir uma balsa que opera na divisa entre os dois municípios. A nova estrutura vai ajudar a melhorar a logística da região norte, interligando municípios que antes eram separados e criando novas alternativas econômicas.

“Em 2022 nós inauguramos a ponte sobre o Rio das Mortes em Cocalinho, que é a maior de Mato Grosso. Mas nós já temos três maiores em construção, incluindo duas sobre o Rio Teles Pires. É um investimento que o Estado faz para encurtar distâncias e remover obstáculos para o desenvolvimento regional”, afirma o secretário de Infraestrutura, Marcelo de Oliveira.

 
Sitevip Internet